Travou???

Todo mundo já passou pela situação do seu sistema operacional parar de responder (principalmente no nosso amigo janelas) mas como proceder no Linux?

A maioria dos usuários desconhecem que comandos podem ser executados em diferentes entradas ou camadas do sistema, elas são chamadas de TTY’s, podemos acessa-las através de teclas de atalho nativas em qualquer GNU/Linux, possibilitando navegar entre elas. A entrada principal TTY1, lançada através da tecla CRTL+ALT+F1, normalmente funciona a interface gráfica do usuário chamada de GUI, se ela estiver travando, podemos acessar outra entrada, como por exemplo a TTY2, CTRL+ALT+F2, para executar comandos para resolver o problema, desligando, reiniciando ou matando o processo que está instável na camada principal.

Para alternar entre as ttys usaremos os comando Ctrl+Alt+F* ou seja pode ser F2, F3, F4… vou usar como exempo o Ctrl+Alt+F2, isso nos levará para esta tela:

(Imagem retirada da internet)

 
Faça login com seu usuário e senha e terá acesso ao sistema por linha de comando, aí é só desligar ou reiniciar com os comando poweroff ou reboot respectivamente.

Caso queira matar o processo você terá que descobrir o numero do PID (identidade do processo), para isso podemos usar o comando top:

No meu caso vou usar o Firefox como exemplo, caso ele estivesse “travando” a máquina, o PID dele é: 1986, feito isso aperte Q para sair do top e execute kill (numero do processo.)

kill 1986 finalizará o firefox e todos os processos relacionados.

Outras teclas de emergência: Alt+PrintScr+O desligará o seu computador imediatamente.

Espero que ajude vocês!

Até a próxima.

 

Siga-nos em nossas redes sociais e chat´s:

Link Facebook: https://www.facebook.com/gnulinuxbr

Link WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/FXGpqafUWW2FgEa25NtT4l

Link Telegram: https://t.me/gnulinux_brasil

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCwyFWDqE0v7SwpZenjmzxYQ

Instrutor de Informática/Robótica/Programação, entusiasta da tecnologia, estuda Bacharelado em Administração no Grupo Universitário Uninter e colaborador da comunidade GNU/Linux Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *