Samba: Parando o Samba e Realizando Backup

Em um dos artigos anteriores instalamos o samba em nosso servidor. Segue link: http://gnulinuxbrasil.com.br/2018/02/19/linux-instalando-samba-para-servidor/

Hoje iremos realizar backup com o Samba parado, não sendo executado. No próximo post faremos o backup com o samba em execução, que é o recomendado em um ambiente de produção.

 

Criando diretório de destino

  1. Crie o diretório onde deseja armazenar o backup. No meu caso criarei em /work/backup/bkpSamba, mas a escolha do diretório fica ao seu critério:
    [elder@serverTeste samba]# mkdir -p /work/backup/bkpSamba

    – O correto é guardar o backup em uma mídia externa, como HD externo, pendrive etc..
    – Se preferir, afim de aumentar a segurança, poderá alterar proprietário e permissões.

                             Deixando o usuário root como proprietário

    [elder@serverTeste download]$ sudo chown root:root /work/backup/bkpSamba

                            Alterando Permissões

    [elder@serverTeste download]$ sudo chmod 750  /work/backup/bkpSamba

                            Confirmando as Alterações

    [elder@serverTeste download]$ sudo ls -ld    /work/backup/bkpSamba
    drwxr-x--- 2 root root 6 Jul 24 16:49 /work/backup/bkpSamba

    Realçado de laranja estão as permissões e em verde proprietário e grupo, conforme alteração feita acima.

Pare a Execução do Samba

  1. Execute o comando killall samba ou o symtemctl conforme post anterior
    [elder@serverTeste download]$ sudo killall samba

Realizando o Backup

Com o Samba parado fica muito fácil realizar o backup, para isso basta copiar o conteúdo dos diretórios  var, private e etc que estão dentro de /usr/local/samba. 

  1. Acesse o diretório /usr/local/samba:
    [elder@serverTeste download]$ cd /usr/local/samba/
  2. Copie a pasta var para dentro de /work/backup/bkpSamba
    [elder@serverTeste samba]$ sudo cp -rf ./var  /work/backup/bkpSamba/
  3. Copie a pasta private para dentro de /work/backup/bkpSamba
    [elder@serverTeste samba]$ sudo cp -rf ./private  /work/backup/bkpSamba/
  4. e, por último, a pasta etc:
    [elder@serverTeste samba]$ sudo cp -rf ./etc  /work/backup/bkpSamba/
  5. liste o conteúdo do diretório bkpSamba e confirme se contém os diretórios copiados
    [elder@serverTeste samba]$ sudo ls -l /work/backup/bkpSamba/
    total 8
    drwxr-xr-x 2 root root   21 Jul 24 17:15 etc
    drwxr-xr-x 7 root root 4096 Jul 24 17:15 private
    drwxr-xr-x 8 root root 4096 Jul 24 17:12 var

     

Restaurando o Backup

Obs.: estamos considerando que você esteja acessado na pasta /usr/local/samba

  • Se o motivo da restauração do backup for o samba danificado, reinstale-o e em seguida remova o conteúdo dos diretórios etc, private e var que estão dentro de /usr/local/samba e em seguida cole o conteúdo do backup que está em /work/backup/bkpSamba ou em sua pasta pessoal de backups.
  • Se o samba estiver funcionando corretamente mas você deseja restaurá o backup por algum outro motivo qualquer, remova o conteúdo dos diretórios etc, private e var que estão dentro de /usr/local/samba e em seguida cole o conteúdo do backup que está em /work/backup/bkpSamba ou em sua pasta pessoal de backups.

ATENÇÃO:
 – Nunca restaure o backup do samba instalado em um servidor em outro.
 – Jamais restaure o backup do samba em um outro samba com versão diferente

1 – Removendo o conteúdo

[elder@serverTeste samba]$ sudo rm -rf ./etc/*
[elder@serverTeste samba]$ sudo rm -rf ./private/*
[elder@serverTeste samba]$ sudo rm -rf ./var/*

ATENÇÃO: lembre-se de colocar o ponto(.) antes da primeira barra para indicar que você se refere à subpasta da pasta acessada atualmente: /usr/local/samba

2 – Copie o conteúdo do backup para dentro das pastas acima, que tiveram seus conteúdos removidos:

[elder@serverTeste samba]$ sudo cp -rf /work/backup/bkpSamba/etc/*   ./etc/
[elder@serverTeste samba]$ sudo cp -rf /work/backup/bkpSamba/private/*  ./private/
[elder@serverTeste samba]$ sudo cp -rf /work/backup/bkpSamba/var/*  ./var/

 

Inicie o serviço do Samba

[elder@serverTeste samba]$ sudo  ./sbin/samba

 

Conclusão

Realizamos o backup e sua restauração. Logicamente que este não é o método mais eficiente, já que é necessário que o serviço do samba esteja parado. Também poderíamos criar os backups em tarballs, ou seja, em formato .tar ou .gzip ou ainda bzip…

No próximo artigo realizaremos o backup sem necessitar pararmos o samba

Espero que tenham gostado, Até a próxima!!!

Siga-nos em nossas redes:

Link Facebook: https://www.facebook.com/gnulinuxbr

Leitor voraz e um dos administradores do GNU/Linux Brasil no Whatsapp, facebook, youtube e nesse dito site: www.gnulinuxbrasil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *